Encontre seu caminho!

“Se você quer realmente fazer algo,
você encontrará seu caminho.
se você não fizer isso,
encontrará uma desculpa” – Jim Rohn.

ENCONTRE SEU CAMINHO!

Oi, oi, pessoallll, tudo bem com vocês? Hoje, quero saber um “detalhe”: VOCÊ já encontrou SEU caminho?

Porque vocês sabem, né? Para quem não sabe onde está indo, qualquer caminho/lugar serve!

E eu tenho a mais absoluta certeza de que VOCÊ não está “gastando” a SUA VIDA “andando em círculos e procurando um canto”, e é claro que em um círculo, você não encontra um canto, ‘neammm’! Chega de blá..blá..blá… Ficou confuso(a)?

Sentir-se perdido, descontente ou desmotivado é algo que a maioria dos seres humanos passa em alguns momentos da vida.

Em alguns casos, é o trabalho que não está preenchendo a necessidade de desenvolvimento ou de novos desafios.

Em outros, é a vida amorosa que anda meio sem novidades, ou, ainda, uma dificuldade em relacionamentos como um todo – com familiares ou novos círculos de amizade.

Há algum tempo, me deparei com um artigo publicado no jornal Huffington Post, Amber Rae conta a experiência que a levou largar tudo e recomeçar.

Abandonou um bom emprego em uma empresa de softwares em São Francisco, vendeu móveis e pertences e partiu para uma viagem à Nova York, em busca do autoconhecimento.

Três anos após a experiência, ela concluiu que existem seis passos para que você encontre o próprio caminho.

Mas, não se esqueceu de lembrar a jornada que antecede essa decisão. E hoje, trago ele para vocês!

Particularmente, me identifiquei com a atitude de Amber, guardei esse texto e me comprometi a usá-lo no momento mais adequado da minha vida profissional.

Espero que gostem e que de certa forma também faça sentido na vida de cada um de você que tem me acompanhado por aqui!

“OS 6 PASSOS PARA ENCONTRAR O SEU CAMINHO”

PRIMEIRAMENTE, vamos redefinir a palavra “sucesso” que é uma das formas de minimizar as dúvidas e rever os conceitos já existentes.

  1. Faça o que você pode com o que você tem.

Mesmo que o contexto da sua vida atual não seja perfeito, dê o melhor de si.
“Faça o melhor que pode enquanto descobre o que realmente quer fazer”.
Gente, não existe certo ou errado – TUDO É FEEDBACK (positivo ou negativo).
Mas, sempre podemos extrair algo poderoso e refazer a nossa vida a partir de então. #semMiMiMiPorFavor

  1. Ouça sua voz interior.

Se você é dessas, como Eu (CrisKarla) e também Amber que, por muitos anos, sentiu que algo a faltava, leia isso aqui:

Para Amber, “Ela sabia, bem lá no fundo, que o trabalho que ela fazia não era o que ela realmente queria estar fazendo”.

Ela afirmou que, toda vez que comentava isso com as pessoas, todos a olhavam com um olhar de espanto, lembrando-a da recessão e da falta de emprego no mundo.
Apesar disso, ela ouviu sua voz interior na busca pelo que realmente a motivava.
Para CrisKarla, uma das frases “padrão” era – “Eu acertei o negócio, mas não o Produto” e isso minha gente, me atormentava!
A única certeza era a de que jamais desistiria do motivo pelo qual meu coração pulsava no momento em que eu “proferia a tal frase”, continuei…persisti!

  1. Redefina “sucesso”.

Amber contou que: “Eu tinha um salário que me proporcionava tudo o que eu queria. Tinha um guarda-roupa legal, morava em um apartamento bonito, ia a jantares agradáveis. As pessoas me chamavam de sortuda”, “aí essa tal de sorte né”!
Mais uma “coisinha” em comum entre Amber e “euzinha”, não nos sentíamos pessoas de sorte, pois, de fato, não nos importávamos com rótulos.
Então, entendi que estava em minhas mãos a oportunidade de redefinir o que é sucesso.
E a nova definição, não tem a ver com dinheiro ou coisas, está mais ligado a sentimentos como realização pessoal e progresso diário.
Que mágica foi essa! Ao redefinir sucesso, ficou mais claro quais eram as possibilidades reais existentes.

  1. Encontre alguém que acredita em você.

Assim, uma das dicas para se começar a dar vazão às suas vontades mais profundas é compartilhá-las com alguém que de fato acredita em você.
Compartilho com vocês que “as peças do quebra-cabeça” da minha vida começaram a se colocar em ordem a partir do momento em que desabafou e ouviu em resposta um “Por que não?”.
Uauuuuuuu… Pensa no empoderamento nesse exato momento!
Acreditaram em MIM, aí gente… É para frente que se anda, não é mesmo!
Ah, e cuidado sim, com as pessoas ao seu redor; nem todo mundo vai SUPORTAR a sua felicidade!
E se saírem da sua vida, está tudo bem. Afinal, cada um tem o parceiro que merece ao seu lado.

  1. Escolha algo.

Então, aqui nesse ponto, mais uma vez compartilho com Amber as percepções.
Ao dar o primeiro passo na direção certa (já com as velas ajustadas), com metas claras e objetivas rumo à minha visão extraordinária de futuro, eu não tinha ideia do que queria no primeiro momento (da grande mudança); mas, EU SABIA o que eu não queria. E outra, escolher algo é sempre melhor do que não escolher nada. Perguntinha:

  • O que VOCÊ quer para SUA VIDA? Você tem essa resposta clara em sua mente?

Se tiver, estruture seu mural, por favor. E COCRIE a sua realidade.

PS: Pareceu interessante isso aqui, você ainda não viu nada. Lembrem-se do “contratinho com a Coach CrisKarla aqui – [email protected]

  1. Faça acontecer.

Ok, Ok… Bora analisar a minha (nossa, tem a Amber também) própria experiência, ressalto aqui que não basta imaginar (é muito importante sim, mas não é só isso).
Então, é preciso arregaçar as mangas e partir para a prática (ATITUDE – AÇÃO).
Olhe para você e ao seu redor, perceba “se você está em uma empresa que está alinhada com a sua nova definição sobre sucesso, seja assertivo e conte a eles como você quer ajudá-los.
Se eles disserem não, continue tentando até encontrar alguém que diga sim”. Lembre-se que você NUNCA perde por tentar encontrar seu caminho!

Que texto mais delícia de compartilhar com vocês! Espero que tenham gostado!

Hoje além do abraço de40 segundos! Faço questão de mandar um beijinho… :*

Até a próxima pessoal!

CrisKarla – Master Coach Integral Sistêmico

[email protected]

www.criskarla.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *